Páginas da vida.

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Amor, amor, amor...

Ao analisar toda a situação eu me encontro perfeitamente dentro dela. Porém não há mais como sair. O assunto torna-se mais delicado quando se refere aos sentimentos transbordando da alma até o coração. O mesmo, bate desesperadamente ao favor de outro alguém. Isso é mistério, é desespero, é felicidade. Só quem sente entende. Aliás há entendimento nessa " tal " situação?! Não exemplificarei aqui reações ou sintomas causados por isso. Só lembrarei que, esse sentimento, corre dentro das veias, pulsa em cada gota do nosso sangue, e vai tornando-se cada vez maior. Seria um câncer de coração? Talvez seja maior do que isso. Entretanto, toda a situação me prende, me fazendo pensar em somente uma saida: " Se renda, se entregue, não perca essa oportunidade..." Aliás que oportunidade é essa? Ah claro, a unica oportunidade que nos faz seguir em frente sonhando e querendo que esse sintoma cresça cada vez mais dentro de si proprio. A unica oportunidade que se movimenta entre os seres humanos e que vale a pena acreditar nela: a oportunidade de amar verdadeiramente. Fique tranquilo! Todo esse conflito te deixará mais saudável e mais capaz. Isso é unico e insubstituivel. Isso é inexplicavelmente o amor que se movimenta dentro do corpo, sem ao menos pedir uma simples permissão. É o amor que precisamos para continuarmos vivendo nesse mundo cruel.
Ps. Eu tenho essa experiência. Todo mundo tem! Só que, ela simplesmente não é exata, não tem fim, porque a cada dia que passa ela se renova dentro de suas perfeições e simplicidade. Quando você não achar a cura para um " tal " sintoma natural, descubra: o amor entrará em movimento!

3 comentários:

Apenas Tici... disse...

Ainnn... Lindo!!! Parabens!
Beijinhos

dear sarah disse...

Não tem como sair? Se jogaaaaaaa..
haha

parabéns amada, o amor nos faz mais fortes e diferentes!

Andressa Keka disse...

lindo o texto.
respira e expira amor!