Páginas da vida.

sábado, 2 de abril de 2011

"Amor, amor, amor. Mais uma dose por favor?"

Os toques e aqueles movimentos de ternura e amor. Nada como algumas horas se entregando de uma forma incrivel. Ele sabe amar, sabe desejar, sabe me ter. É como se nada mais, pudesse impedir um amor tão grande. O amor estava em movimento. Os beijos molhados, os dedos entrelaçados e a única certeza de que isso vai durar muito! Muito mais...

4 comentários:

A Noiva Cadáver disse...

:)

Raphaele C. disse...

Ownt, que lindo. Que romântico. *.*

Camila disse...

*--------------*

• Cynthia Brito • disse...

Aline, que palavras bonitas. Realmente, amor quando é amor, não se pode impedir.
Beeeeeijo e boa semana!